segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Parte o Poeta da Vila

Recebi no início da tarde a triste notícia do falecimento do grande poeta Luiz Carlos da Vila. Este mestre do nosso samba, autor de Kizomba, Doce Refúgio, O Sonho Não Acabou (considerado por ele mesmo seu primeiro sucesso), Oitava Cor, Romance dos Astros e outras maravilhosas canções, lutava contra um câncer, desde de setembro deste ano. Da Vila nasceu em Ramos, no dia 21 de julho (dia do meu aniversário), de 1949, mas foi criado na Vila da Penha, de onde herdou seu nome artístico.

Quase postei uma letra que fiz em sua homenagem , há coisa de três anos, mas prefiri colocolar aqui uma de suas obras que considero mais linda:


Pra Conquistar Teu Coração

Luiz Carlos da Vila



Composição: Luiz Carlos da Vila e Wanderley Monteiro



Se o limite for o infinito
Vou subir até o pico do Everest
Nadar o oceano sem um grito
E de joelho atravessar o agreste
Faço isso tudo e muito mais
Pra te encontrar, te conquistar
E até provar que é minha paz
O inverso dos meus ais

Preto no branco num poema, vou por sim
E onde houver um mal começo por fim
Fazer de tudo pra mudar
Um novo mundo instalar
E com o mundo em minhas mãos
Onde houver talvez ou não eu vou sim
Com as próprias mãos andar a pé ao Bonfim
E num xaxim eu vou plantar
Um baita de um jequitibá
Enraizar mesmo sem chão
São Tomé vai crer sem olhar
E todo mundo vai cantar
Que eu conquistei teu coração


Benza, Deus.

7 comentários:

Kadu disse...

Aquela sua letra é uma grd homenagemmm !!!!

Abção ...

Yuri disse...

Pessoas assim ficam pra sempre, não morrem vem para não mais ir.
Ficam em letras de música, em tiradas inteligentes, típicas do “malandro” Carioca.
Eu não era fã! Para ser sincero pouco ouvi, se ouvi, mas em respeito aos que gostaram e admiraram, deixo minha saudação e um até logo.

Rodrigo! Gosto desse seu blog, é bem sua cara.
Grande beijo. Fica com Deus!!!

Rodrigo Nonno disse...

Opa, meu amigo Kadu!

Fiz com muito carinho aquela letra.

Um forte abraço, querido.

Rodrigo Nonno disse...

Yuri, obrigado pelo elogio.

Quando puder escutar suas canções, irá gostar, pois você é um cara com sensibilidade.

Um forte abraço , meu primo querido.

disse...

Simplesmente FENOMENAL este samba!!

Beijos Drigo!

disse...

Essas iguarias nordestinas...Apetitosas demais!!

Calma Drigo! Logo, logo você poderá saboreá-las...mas é claro, sempre com moderação!

Entretanto, como atualmente você está somente repondo as "forças"...rsrsrsr ...Não custa nada convidar os amigos! Prometo que eu levo as cervejinhas!

Beijos procês!

Rodrigo Nonno disse...

Opa, Cara Fernanda!

Obrigado pela presença.

Está é sim uma grande letra, linda, linda , linda ...

A Deise disse que se vier aqui hoje para provrar as castanhas, colocamos pra você escutar. Topas ?

Inté